20 de março de 2018

José Garcês - Ensaio de quadriculografia portuguesa

Desenhador, Argumentista
(Portugal) Lisboa, 23 de Julho de 1928

Nasce em Lisboa em 1928 e frequenta a Escola de Artes Decorativas António Arroio onde obtém o diploma do curso de Artes Gráficas em 1946. No mesmo ano inicia a carreira de autor de Banda Desenhada entrando para a equipa do jornal O Mosquito. A partir desse ano colabora em mais de uma dezena de publicações dedicadas a crianças e adolescentes, editadas em Portugal. Desenha para várias editoras escolares, em livros de História, Geografia, Ciências, Português e Matemática, para os diversos graus do ensino. 
Foi colaborador do jornal O Século onde participa com desenhos para vários concursos e iniciativas desse jornal. Publica banda desenhada na revista feminina Modas e Bordados da da mesma empresa. 
Desenha para a Liga de Protecção da Natureza/Museu Bocage, uma série de postais sobre animais e plantas de espécies em perigo de extinção (1959). 
Especialista em temas militares, é convidado a participar numa monografia das Forças Armadas Portuguesas, com uma série de desenhos de uniformes militares, publicada pelo Ministério da Defesa em 1960. 
Para os Correios de Portugal desenha uma colecção de postais com a evolução das armaduras e uniformes, desde o séc. XII até aos nosos dias. 
Para a Sociedade Nacional de Fósforos, produz também uma colecção de carteiras para fósforos, com a evolução das armaduras e uniformes em Portugal. 
Na área do turismo, colabora com a Revista de Turismo e é o responsável gráfico da Revista da Grão-Pará nos anos 70. 
Desenha esquemas, projectos e painéis para os Salões Internacionais da Associação Portuguesa de Criatividade
Autor de um álbum de cromos com o tema HISTÓRIA DE PORTUGAL para o Instituto de Cultura e Língua Portuguesa/Serviço de Ensino Básico e Secundário Português no Estrangeiro (1981). 
É convidado a colaborar com a R.T.P., com ilustrações para um programa com o título PORTUGAL, HISTÓRIA E AVENTURA (1963). 
Colabora em jornais regionais com desenhos de ilustração e publicidade, e participa em colóquios e palestras sobre banda desenhada, em Escolas Secundárias, Colégios Particulares e Universidades do Pais. 
É convidado a ministrar cursos de iniciação à banda desenhada para professores e alunos, em várias cidades de Portugal (Lisboa, Angra do Heroismo, Peniche, Portimão). 
De 1978 a 1990 integra a representação portuguesa no Festival de Lucca (Itália), sendo convidado de Honra em 1990 onde apresenta uma significativa exposição sobre o tema História de Portugal. 
Representa a Banda Desenhada portuguesa no Festival de Angoulême (1992) com a obra História de Portugal das Edições ASA
Desenha para a Exposição de abertura do Museu do Mosteiro da Batalha uma BD sobre o tema O Alabastro Mediéval Inglês em Portugal (1981) e A Música no Séc. XV (1982). 
Em 1983, pela especialização conseguida, é o desenhador do núcleo da Torre de Belém, (para a XVII EXPOSIÇÃO DE ARTE, CIÊNCIA E CULTURA DO CONSELHO DA EUROPA) onde pinta vários painéis sobre armas e armaduras na História de Portugal. 
Prémio do Centro Nacional de Cultura /Ministério da Juventude (1988) pela Banda Desenhada Bartolomeu Dias em colaboração com o Carmo Reis (edição em português e inglês). 
Presidente do Clube Português de Banda Desenhada na década de 80. 
Medalha de Ouro de Mérito e Dedicação na área da Banda Desenhada concedida pela Câmara Municipal da Amadora (1991). Troféu Cardoso Lapes/Zé Pacóvio e Grilinho do 2º Festival de B.D. da Amadora /1991. 
Troféu O Mosquito do Clube Português de Banda Desenhada para UMA VIDA DEDICADA À B.D. (1987) 
Autor de construções de armar em cartolina, com destaque para os Monumentos Nacionais MOSTEIRO DA BATALHA, MOSTEIRO DOS JERÓNIMOS, TORRE DE BELÉM
Autor da História do Jardim Zoológico de Lisboa em Banda Desenhada (1997) a convite dos Serviços Pedagógicos do Zoo



Séries publicadas em Portugal:
História de Portugal em BD, Maria Jornalista, Texas Jack

One-shots publicados em Portugal:
  • Ideia fatal, 1944, O Melro #4
  • O mistério da mão esqueleto, 1944, O Melro #4 a #17
  • As aventuras do "Bolinhas", 1944, O Melro #10 a #21
  • O segredo da máscara negra, 1944, O Melro #10 a #21
  • A traquina, 1944, O Melro #11 a #13
  • Yall, a deusa viva, 1945, O Melro #18 a #20
  • A cidade do eterno luto, 1945, O Melro (2ª série) #1 a #2 [incompleta]
  • Yall, a deusa viva - 2ª parte, 1945, O Melro (2ª série) #1 a #3
  • O inferno verde, 1946, O Mosquito #762 a #769
  • O império enlutado, 1947, O Mosquito #805 a #816
  • O segredo das águas do rio, 1947, O Mosquito #816 a #841
  • A maldição branca, 1948, O Mosquito #932 a #941, 
  • O terrível espadachim, 1948, Camarada #20 a #33; Boletim do CPBD #100 
  • Tonito cowboy, 1948, O Papagaio 704 a #716
  • Rumo a Oriente, 1949, Camarada #39 a #104
  • A princesa e o mágico, 1949, Camarada #55 a #71
  • Em busca de um lar, 1950, Joaninha (2ª série) #731 a #875
  • Na senda do cavaleiro, 1950, Lusitas #120 a #151; Cadernos da BD (I série) #1
  • Fathma, 1951, Lusitas #154 a #176 e #187 a #203
  • Viriato, 1952, Mascarenhas Barreto (arg.), Cavaleiro Andante #27 a #52; Jornal de Almada #2218 a #2250; Álbum GICAV [2015]
  • Rumo à Índia, 1952, Esther de Lemos (arg.), Lusitas #180 a #186
  • A lenda dos "Montes Pálidos", 1952, Etelvina Almeida (arg.), Joaninha (2ª série) #876 a #896
  • «O Falcão», 1953, Mascarenhas Barreto (arg.), Cavaleiro Andante #73 a #103; Correio da Banda Desenhada #6 a #20; Cadernos da BD (II série) #3 
  • As três princesas cristãs, 1953, Etelvina Almeida (arg.), Joaninha (2ª série) #923 a #946
  • A conquista de Ceuta, 1953, Cavaleiro Andante #104; Almada BD Fanzine #6
  • A ave encantada, 1954, Etelvina Almeida (arg.), Joaninha (2ª série) #947 a #989
  • Senhora da Nazaré, 1954, Lusitas #218 a #220
  • Nossa Senhora da Luz, 1954, Lusitas #221
  • Nossa Senhora de Vagos, 1954, Lusitas #222 a #223
  • O mandarim e o perfumador, 1954, Lusitas #224 a #229
  • O milagre de cera, 1954, Lusitas #231
  • Palo Quiri - Um português na Legião Estrangeira, 1955, Orlando Marques (arg.), Titã (Fomento) #21 a #35;  Mundo de Aventuras (2ª fase) #359; Jornal de Almada #2209 a #2217
  • Zé miúdo, 1955, Cavaleiro Andante #167;  Cadernos Sobreda BD #5
  • O último desejo, 1955, Joaninha (2ª série) #1009 a #1105
  • O falcão encantado, 1955, Joaninha (2ª série) #1106 a #1120
  • Eurico, o presbítero, 1955, Modas & Bordados #2274 a #2315; Álbum Editorial Futura [1983] 
  • Os sonhos do rei, 1955, Lusitas #253 a #259
  • O príncipe e o peixe, 1956, Lusitas #262 a #265
  • O mistério do Alto Monte, 1956, Maria de Santo António (arg.), Joaninha (2ª série) #1162 a #1186
  • O mistério da quinta, 1956, Lusitas #278 a #281
  • O sargento-mor de Vilar, 1956, Cavaleiro Andante #259 a #285; O Pirilim #32 a #53 (incompleto)
  • Os sitiados, 1957, Cavaleiro Andante #26 a #302; Jornal de Almada #2180 a #2184
  • Cavaleiros do rei, 1957, Cavaleiro Andante #304 a #306; Jornal de Almada #2176 a #2178
  • História da aviação, 1958, Cavaleiro Andante #314 a #336 
  • Xan-Tung, 1958, Madresilva (arg), Fagulha #1 a #5
  • O regresso do cavaleiro, 1958, Maria Andrade Santos (arg.), Fagulha #5
  • O camaroeiro real, 1958, Isabel Falcão (arg.), Fagulha #7 a #18
  • Sanches Coelho, 1958, Camarada (2ª série) #6/1º ano
  • N'Marcu contra Bancô, 1958, Camarada (2ª série) #11/1º ano 
  • Através do deserto, 1958, Cavaleiro Andante #340 a #394; Álbum ASA* [1993]
  • Viriato, 1958, Helena Sabóia (arg.), Camarada (2ª série) #16/1º ano
  • O Caramuru, 1958, Camarada (2ª série) #17 a #25/1º ano
  • O rapazinho de Florença, 1958, Camarada (2ª série) #21/1º ano
  • O elefante branco, 1958, Madresilva (arg.), Fagulha #19 a #21
  • O alfange quebrado, 1958, M. Garcia (arg.), Fagulha #24 a #48
  • O anão três pelinhos, 1959, Camarada (2ª série) #1 a #10/2º ano
  • A lei do deserto, 1959, Camarada (2ª série) #12 a #17/2º ano
  • St. António 1195-1231, 1959, Camarada (2ª série) #12/2º ano
  • O príncipe e o mar, 1959, Camarada (2ª série) #18/2º ano
  • A ilha encantada, 1959, Camarada (2ª série) #24 a #25/2º ano
  • Dom Henrique, o Navegador, 1960, Camarada (2ª série) #8 a 25/3º ano
  • Parábola dos talentos, 1960, Fagulha #55
  • A morte do lidador, 1960, O Falcão (1ª série) #64
  • O tigre de Sanguém, 1960, Cavaleiro Andante #440
  • Jumbo, 1960, O Falcão (1ª série) #80
  • A ponte dos noivos, 1960, Fagulha #60
  • O passageiro do navio sem nome, 1960, Maria Isabel Soares (arg.), Fagulha 62
  • O rapto no bosque, 1961, Cavaleiro Andante #473
  • O capitão meia-noite, 1961, O Mosquito (2ª série) #11 a #16
  • A lenda das montanhas cor da lua, 1961, Fagulha #75 a #84
  • Outra aventura do elefante branco, 1961, Madressilva (arg.), Fagulha #79 a #89
  • O resgate do prisioneiro, 1961, Fagulha #93
  • A grande caçada, 1961, Maria Clara Silva, Fagulha #94 a #115
  • 2 jovens correm mundo, 1962, Cavaleiro Andante #523 a #555
  • Rabino [gag], 1962, Fagulha #107, #115, #116, #120,  #121, #124, #130, #159, #166, #170, #200, #230, #231 e #259
  • Zésquilo [gag], 1962, Fagulha #110, #112, #113, #156, #161, #165, #171 e #232
  • Plif [gag], 1962, Fagulha #114
  • Tico [gag], 1962, Fagulha #118, #153, #233 e #332
  • Serpa Pinto, 1963, Agostinho Macedo (arg.), Camarada (2ª série) #4/6º ano
  • Maciel Chaves - Mártir da mocidade, 1963, Álvaro Parreira (arg.), Camarada (2ª série) #6/6º ano
  • A coisa mais linda - Lenda antiga da Sabóia, 1963, Fagulha #130
  • A lagoa da sete cidades, 1963, Fagulha #132
  • O terror da floresta, 1963, Teresa Sampaio (arg.), Fagulha #136 a #141
  • As quatro colunas de cobre, 1964, Isabel Falcão (arg.), Fagulha #144 a #167
  • A filha de "Garra de Urso", 1964, Zorro #75; Mundo de Aventuras (2ª fase) #320
  • O regresso de "Falcão Branco", 1964, Zorro #86; Mundo de Aventuras (2ª fase) #236
  • D. Texugo [gag], 1964, Fagulha #164 e #167
  • Nulok, o pequeno elefante, 1965, Fagulha #168 a #173
  • O cardo da Escócia, 1965, Isabel Falcão (arg.), Fagulha #178 a #211
  • A história dos castelos históricos, 1965, Fagulha #179 a #185
  • Naquele tempo havia um pescador, 1966, Maria Isabel Soares (arg.), Fagulha #203 a #214
  • História romântica do concelho de Lagoa, 1967, Jornal de Lagoa #26 a #43
  • Ursinho Ploc [gag], 1967, Fagulha #239, #250, #251, #252, #256, #330, #343, #351 e #388
  • Amadis, o donzel do mar, 1968, Pisca-Pisca #4; Mini-Época #62
  • Como foi descoberta a cruz, 1968, Pisca-Pisca #4; Mini-Época #64 a #69
  • Embaixada de El-Rei D. Manuel I ao Papa Leão X, 1968, Pisca-Pisca #7; Mundo de Aventuras (2ª fase) #234; Notícias Magazine #106
  • Reportagem sensacional, 1968, Maria Isabel Soares (arg.), Fagulha #252 a #254
  • As redes milagrosas, 1968, Fagulha #256
  • Zésquilo e Ploc [gag], 1968, Fagulha #261
  • Nita, coração de oiro, 1969, Maria Isabel Soares (arg.), Fagulha #265 a #281
  • As viagens do minignomo, 1969, Fagulha #274 a #309
  • O julgamento de Lívia, 1970, Fagulha #296
  • A gruta dos 3 irmãos, 1970, Maria Mercês Soares (arg.), Pisca-Pisca #29
  • A história do sal, 1970, Fagulha #301
  • A história do café, 1970, Fagulha #302
  • A história dos sorvetes, 1970, Fagulha #304
  • A história do açúcar, 1970, Fagulha #306
  • História da alimentação humana, 1970, Pim-Pam-Pum 2328 a #2335
  • Um Natal de artistas, 1970, Fagulha #311
  • A história de Santo Humberto, 1971, Fagulha #313
  • A Igreja do Cisne - Lendas do Reno, 1971, Fagulha #314
  • Para ondes vais, trovador?, 1971, Maria Alice Santos (arg.), Fagulha #310 a #316
  • Aterragem forçada, 1971, Maria Alcântara (arg.), Fagulha #316 a #347
  • O peixe de ouro, 1971, Maria Isabel Soares (arg.), Fagulha #320
  • Gondalim - Lendas do Reno, 1971, Fagulha #328
  • Goya, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #343
  • Aconteceu há 50 anos... , 1972, Maria Carmelo Graça (arg.), O Girassol #133
  • Renhau, 1972, Fagulha #344 
  • Toulouse Lautrec, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #343
  • Madame Vigée-Ledrun, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #345
  • Camões, o autor da epopeia moderna, 1972, Luísa Caldas (arg.), O Girassol #134; O Girassol (2ª série) #8
  • El Greco, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #346
  • Van Eyck, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #347
  • Jogos Olímpicos, 1972, Luísa Caldas (arg.), O Girassol #133; O Girassol (2ª série) #13
  • Rembrandt, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #349
  • Ploc e Sagu [gag], 1972, Fagulha #350
  • Leonardo Da Vinci, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #350
  • O segredo das duas estátuas, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #351 a #358
  • Sagu [gag], 1972, Fagulha #352
  • Joseph William Turner, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #352
  • Domingos Sequeira, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #354
  • A aventura de Veloso, 1972, Luísa Caldas (arg.), O Girassol #138
  • Botticelli, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #356
  • Sesshû Tôyô, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #357
  • Grão Vasco, 1972, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #358
  • Sua Excelência o cavalo, 1973, Teresa Vasconcelos (arg.), O Girassol #142; O Girassol (2ª série) #58
  • Cristo ressuscitou! Aleluia!, 1973, Maria José Barroso (arg.), O Girassol #143
  • Palmeirim de Inglaterra, 1973, Fagulha #367 a #382 
  • Qual delas será a mãe?, 1973, Luísa Caldas (arg.), O Girassol #144
  • Uma velha aliança, 1973, Maria Carmelo Graça (arg.), O Girassol #146
  • Picaroto, baleeiro, 1973, Maria Andrade Santos (arg.), Fagulha #375 a #379; Cadernos Sobreda BD #5 
  • Jagú, o indiozinho, 1973, O Girassol #148 a #152
  • Moliére, 1973, Teresa Vasconcelos (arg.), Fagulha #380
  • Rio acima, rio abaixo, 1973, Maria Andrade Santos (arg.), Fagulha #381
  • Voa, pardalito!, 1973, Maria Isabel Soares (arg.), Fagulha #382; Almada BD Fanzine #19
  • O pássaro azul, 1973, Fagulha #383
  • O cometa, 1974, Teresa Vasconcelos (arg.), O Girassol #151
  • Xadrez, 1974, O Girassol #153
  • O frasco quebrado, 1974, Fagulha #389; O Girassol (2ª série) #21
  • Cinderela bizantina, 1974, Fagulha #391
  • Sagui [gag], 1976, Fungagá da Bicharada #6 e #29
  • Renhanhou, 1976, Fungagá da Bicharada #7
  • Tic-Tac o burrito [gag], 1976, Fungagá da Bicharada #8 e #12
  • Sagui e Jumbo [gag], 1977, Fungagá da Bicharada #24
  • Animais imaginários - o dragão, 1978, Maria Cândida Mendonça (arg.), Fungagá da Bicharada #37
  • Animais imaginários - a sereia, 1978, Maria Cândida Mendonça (arg.), Fungagá da Bicharada #39
  • O regresso de «Falcão Branco», 1978, Mundo de Aventuras (2ª fase) #236
  • Vagó, o tigre, 1979, O Girassol (2ª série) #10 a #16
  • Sargento-mor de Vilar, 1979, O Pirilim #32 a #53
  • A dama pé de cabra, 1980, Tintin #29/13º a 38/13º ano
  • O santuário de Dudwa, 1981, Tintin #24 a #27/14º ano, Álbum ASA [1993]*
  • Os cavaleiros de Almourol, 1981, Mundo de Aventuras Especial #29 
  • A grande aventura - Por mares nunca dantes navegados, 1987, Carmo Reis (arg.), Jornal da BD #241 a #248
  • Bartolomeu Dias, 1989, Carmo Reis (arg.), Álbum ASA [1989]; Bartholomew Dias, Álbum ASA [1989] 
  • O tambor + A embaixada, 1990, Jorge Magalhães (arg.), Álbum ASA [1990]  
  • D. Aleixo, o régulo de Timor, 1991, A. J. Bispo (arg.), Almada BD Fanzine #5
  • Cristóvão Colombo - O agente secreto de El-Rei D. João II (2 volumes), 1992/1993, Mascarenhas Barreto (arg.), Álbuns ASA [1992] e [1993] 
  • O mestre das artes, 1993, Jorge Magalhães (arg.), Álbum ASA [1993]**
  • D. João V - Uma vida romântica, 1994, Mascarenhas Barreto (arg.), Álbum ASA [1994] 
  • Jardim Zoológico - História do Jardim Zoológico em Banda Desenhada, 1997, Jardim Zoológico de Lisboa [1997]; Jardim Zoológico - 125 Anos, Público/ASA [2009]
  • História da Guarda - Oitocentos anos da cidade, 1999, Álbum Âncora [1999] 
  • História de Celorico da Beira - Terra de granito e férrea vontade, 2000, Álbum Âncora [2000] 
  • O lobo de Lorena, 2000, Jorge Magalhães (arg.), Selecções BD (2ª série) #15 
  • História do Porto em BD, 2001, Luís Miguel Duarte (arg.), Álbum ASA [2001]
  • História de Oliveira do Hospital - Povo valoroso: passado heróico, 2001, Álbum Âncora [2001]
  • O terrível espadachim, 2002, Boletim do Clube Português de Banda Desenhada #100
  • História de Ourém, 2002, Álbum Âncora [2002]
  • Os argonautas, 2003, Jorge Magalhães (arg.) [inserido no livro "Vasco Granja"]
  • História de Pinhel, 2004, Álbum Âncora [2004]
  • História de Faro em BD, 2005, Álbum ASA [2005]
  • A lenda da moura Salúquia, 2009, Câmara Municipal de Moura [2009]***
  • O lince ibérico: a sua história em Portugal, 2011, Bruno Pinto (arg.), Álbum Liga para a Protecção da Natureza [2011]
  • Santo António em Banda Desenhada, 2016, Álbum Europress [2016]
  • A história de Silves em BD, 2016, Álbum Âncora [2016]
(a) A obra «José Garcês: As fases diversas» de Leonardo de Sá e Dias de Deus (Âncora, 2002) contêm a quadriculografia completa do autor
* Álbum duplo

** Inserido no álbum «Contos das Ilhas» da colecção «Contos Tradicionais Portugueses»
*** Obra colectiva
[actualizado em 14-4-2018]

Sem comentários:

Enviar um comentário